Em Parauapebas, suspeito de envolvimento em fraude se entrega

Um dos suspeitos de envolvimento no esquema de pagamento de propina a vereadores do município de Parauapebas, sudeste do Pará, se entregou à Justiça, nesta terça-feira (25). O empresário Pedro Ribeiro foi até a sede do Ministério Público, na cidade no início da tarde. Ele já tinha um mandado de prisão preventiva expedido.

Pedro Ribeiro é quem aparece entregando dinheiro para vereadores de Parauapebas, em imagens divulgadas na última quinta-feira (20). De acordo com o MP, os  pagamentos seriam ilegais.

Ele é sobrinho de Hamilton Ribeiro, outro empresário preso durante a operação que investiga as fraudes. Eles são suspeitos de envolvimento no esquema de propina em troca de apoio dos parlamentares em contratos com a prefeitura. Segundo as investigações, o empresário teria recebido mais de R$ 126 milhões em prestação de serviços ao município, apenas em dois anos.

O suspeito será transferido para Belém e vai ficar junto com o tio em um presídio na região metropolitana. O advogado que defende Pedro e Hamilton Ribeiro disse que considerou as prisões desnecessárias.

Fonte: G1

Jaqueline Alves

Graduada em Ciências Sociais e Engenheira Ambiental. Especialista em Direito Ambiental; Direito Municipal; Gestão Pública; Engenharia e Segurança do Trabalho; MBA em Petróleo e Gás e Auditoria Ambiental

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.