Justiça Federal determina a prisão de duas ex-superintendentes da pesca no Pará

 

A Justiça Federal determinou nesta sexta-feira (3) a prisão de duas ex-superintendentes da pesca no Pará. Elas são investigadas pelo desvio de R$ 64 milhões no pagamento do seguro defeso, que é um seguro pago a pescadores. A Polícia Federal confirmou que já cumpriu um dos mandados de prisão.

As duas ex-superintendentes tiveram a prisão decretada a pedido do Ministério Público Federal, que investiga um o desvio de R$ 64 milhões do seguro defeso.

Além da prisão das duas suspeitas, a Justiça Federal , determinou a suspensão de todos os pagamentos do seguro defeso no Pará até que uma auditoria seja feita pelo Ministério da Transparência, fiscalização e Controladoria-Geral da União. O Pará é o estado com o maior número de beneficiados pelo programa.

Fonte: G1

Jaqueline Alves

Graduada em Ciências Sociais e Engenheira Ambiental. Especialista em Direito Ambiental; Direito Municipal; Gestão Pública; Engenharia e Segurança do Trabalho; MBA em Petróleo e Gás e Auditoria Ambiental

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.