Para Blairo, JBS é quase um cartel em Mato Grosso.

O Ministro da Agricultura de Mato Grosso, Blairo Maggi. Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil

Para o Ministro da Agricultura de Mato Grosso, Blairo Maggi, o fechamento de plantas frigoríficas nos últimos anos na região Oeste de Mato Grosso diante é de cartel. “Da forma como está, fica muito evidente que há um controle, quase um cartel na região”, disse Maggi a prefeitos de municípios do Oeste mato-grossense. O Ministro já conversa com representantes dos frigoríficos atuantes na localidade, “se não querem operar na região, arrendem o frigorífico, vendam, deixem que o mercado funcione mais aberto”, emendou.

Blairo Maggi em reunião com os Prefeitos do Oeste/MT. Foto: Noaldo Santos /Mapa

De acordo com Blairo Maggi, conversa já entabuladas com diretores da Associação Brasileira da Indústria da Carne (Abiec) indicam que há possibilidade da reabertura de algumas plantas frigoríficas nos municípios de Mirassol d’Oeste, Nova Xavantina, Brasnorte e Vila Bela da Santíssima Trindade, todos no Mato Grosso. “Ainda não tem nada definitivo. Mas vamos trabalhar para que isso aconteça. Afinal, o maior rebanho bovino do Brasil está no Mato Grosso”, disse o Ministro que é produtor rural em Mato Grosso.

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Mato Grosso (Mapa) anunciou ainda que irá liberar R$ 1 milhão, dentro do programa Agro+ Produtor, para a região Oeste de Mato Grosso. O recurso é voltado para a prestação de assistência técnica aos pequenos produtores de leite da região que foram afetados pelo fechamento de três plantas frigoríficas.

Fonte: Codigoflorestal

Jaqueline Alves

Graduada em Ciências Sociais e Engenheira Ambiental. Especialista em Direito Ambiental; Direito Municipal; Gestão Pública; Engenharia e Segurança do Trabalho; MBA em Petróleo e Gás e Auditoria Ambiental

Artigos relacionados

Deixe um comentário