Sarney Filho tromba com Jader Barbalho

O senador paraense Jader Barbalho (PMDB) apresentou emenda ao texto da Medida Provisória nº 756 propondo a desafetação da Área de Proteção Ambiental (APA) do Jamanxim que Sarney Filho inventou em Novo Progresso, oeste do Pará. Jader recebeu ontem, em seu gabinete, uma comitiva de produtores rurais e representantes de associações de classe da região indignados com o golpe que o Ministro do Meio Ambiente tentou aplicar na região.

O texto da MP, apresentada em 19 de dezembro do ano passado, ampliou a unidade de conservação do Jamanxim em 230 mil hectares ocupados com propriedades rurais que estavam fora da demarcação das unidades de conservação. Ao ampliar a Unidade de Conservação, Sarney Filho atingiu uma região onde estão instalados, desde os anos 70, centenas de produtores rurais que chegaram à Amazônia com apoio e incentivos de programas do Governo Federal na época. No fim da década de 70 e início dos anos 80, milhares de produtores rurais foram para a região, considerada inóspita, dentro de um projeto cujo nome era “integrar para não entregar”.

Esses produtores foram prejudicados pelo texto de Sarney Filho encaminhado ao Senado. Para corrigir a lambança ambientalóide, Jader apresentou uma emenda ao texto, modificando os limites demarcados anteriormente. “É claro que a Amazônia precisa ser preservada. Mas mais clara ainda é a necessidade de fazer justiça com quem chegou à região nos anos 70 e 80”, disse o senador aos produtores.

Aliás, não foi apenas Jader Barbalho quem se irritou com a Medida Provisória de Sarney Filho. Na última terça-fera, o Senador Flexa Ribeiro, do PSDB do Pará, foi à tribuna do Senado criticar a medida. Flexinha também apresentou emendas para corrigir o texto da MP de Sarneyzinho.

Fonte: Codigoflorestal

Jaqueline Alves

Graduada em Ciências Sociais e Engenheira Ambiental. Especialista em Direito Ambiental; Direito Municipal; Gestão Pública; Engenharia e Segurança do Trabalho; MBA em Petróleo e Gás e Auditoria Ambiental

Artigos relacionados

Deixe um comentário