Droga tradicional da Amazônia pode tratar alcoolismo e depressão

Droga tradicional da Amazônia pode tratar alcoolismo e depressão

A ayahuasca, droga tradicional de povos da Amazônia, tem efeitos que melhoram o bem-estar das pessoas e pode servir de tratamento para alcoolismo e depressão, sugere estudo realizado pelas universidades de Exeter e College London, noReino Unido. Com base em análise da pesquisa Global Drug Survey, realizada com 96 mil pessoas em todo o mundo, os cientistas descobriram que usuários de ayahuasca relataram menos problemas com o uso de bebidas do que pessoas que usam LSD e cogumelos mágicos, drogas reconhecidas pelo combate ao vício em álcool. Os usuários também…

Leia Mais

Os waiãpi afiam suas flechas contra invasores na Amazônia

Os waiãpi afiam suas flechas contra invasores na Amazônia

Eles aparecem silenciosamente, aparentemente do nada: uma dúzia de figuras, nuas, exceto pelas tangas vermelho vivo, bloqueando a estrada de terra. São os waiãpi, antiga tribo que vive na Amazônia brasileira, que agora teme a invasão de empresas mineradoras internacionais. Conduzindo os repórteres da AFP para um pequeno assentamento de cabanas de palha escondidas entre folhagens, os membros da tribo pintados com tinta vermelha e preta se comprometem a defender seu território. E brandem arcos de dois metros e flechas para reforçar suas palavras. “Nós continuaremos lutando”, diz Tapayona Waiãpi, de 36 anos,…

Leia Mais

Servidor do ICMBio lança livro sobre conflitos agrários na região da BR-163

Servidor do ICMBio lança livro sobre conflitos agrários na região da BR-163

Rodrigo Cambará, chefe do departamento de Ordenamento Territorial do ICMBio na região da BR-163. Foto: Arquivo Pessoal. Quando vestiu a camisa do ICMBio em 2014 e trocou a serra gaúcha por Itaituba, no Pará, Rodrigo Cambará carregava na mala uma longa experiência em gestão de conflitos e unidades de conservação. O currículo, no entanto, não impediu que a realidade lhe balançasse o chão. “Os conflitos aqui têm uma escala muito maior do que os que conheci no Sul”, diz ele, que de cara assumiu a chefia das UCs mais problemáticas…

Leia Mais

Combate à poluição na China conta com minério da Amazônia

Combate à poluição na China conta com minério da Amazônia

O plano da China para reduzir a poluição em suas maiores metrópoles e cidades industriais está aumentando o interesse na exploração de riquezas minerais do outro lado do planeta, na Amazônia — uma das áreas mais ecologicamente sensíveis da Terra. O céu afetado pela poluição atmosférica no país mais populoso do mundo levou o governo chinês a impor restrições à indústria siderúrgica doméstica, que usa altos fornos alimentados por carvão para derreter minério de ferro. A decisão aumentou a demanda para importação de minério de maior qualidade, capaz de produzir…

Leia Mais

Sobrevivente relembra encontro na Amazônia que quase acabou com sua tribo

Sobrevivente relembra encontro na Amazônia que quase acabou com sua tribo

Tzako Waiãpi lembra perfeitamente o dia em que viu, pela primeira vez, homens brancos caçando na Floresta Amazônica: em poucos meses, quase todas as pessoas que ele conhecia morreram de uma doença misteriosa. Esse encontro no começo dos anos 1970 foi a impressionante colisão entre dois mundos – e também o início de uma tragédia terrível. De um lado, os membros da tribo Waiãpi. Do outro, os pioneiros da tentativa implacável para minerar, desmatar e, de forma geral, explorar os recursos naturais da Amazônia. Nenhum deles sabia da existência do…

Leia Mais

Triplo A: o controverso corredor ecológico que ligaria os Andes ao Atlântico

Triplo A: o controverso corredor ecológico que ligaria os Andes ao Atlântico

  Mapa da proposta do corredor AAA. Imagem: Fundação Gaia Amazonas. Uma grande área de 200 milhões de hectares onde vivem 30 milhões de pessoas, entre seus habitantes 385 povos indígenas, de oito países sul-americanos. Este é o tamanho do que seria um imenso corredor ecológico transnacional que ligaria a cordilheira dos Andes, passando pela floresta amazônica até o oceano Atlântico. Seria no total, 309 áreas protegidas (957.649 km2) e 1.199 terras indígenas (1.223.997 km2) ligadas pelo imenso corredor. A ideia de criar o Corredor Andes-Amazônia-Atlântico, também conhecido como triplo…

Leia Mais

Brasileira que luta há 35 anos contra Belo Monte é premiada em NY

Brasileira que luta há 35 anos contra Belo Monte é premiada em NY

Belo Monte: “O estrago que causou nas pessoas, no meio ambiente, na vida tradicional das comunidades, dos indígenas, não tem dinheiro que compense” (Governo/Divulgação) Faz 35 anos que Antonia Melo da Silva luta para preservar a Amazônia e frear a construção da gigantesca usina hidrelétrica de Belo Monte na bacia do rio Xingu, afluente do Amazonas. Nesta terça-feira (10), ela foi premiada em Nova York sob aplausos. No entanto, esta mãe e avó de 68 anos de origem humilde, moradora de Altamira, no Pará, e fundadora há duas décadas do “Movimento Xingu…

Leia Mais