‘Terrível’ e ‘maravilhosa’: a saga da árvore australiana que encontrou o habitat perfeito no Brasil

‘Terrível’ e ‘maravilhosa’: a saga da árvore australiana que encontrou o habitat perfeito no Brasil

  Direito de imagemWIKIMEDIA COMMONS Image captionConhecido como invasor por uns e versátil por outros, eucalipto tem muitos usos comerciais Para alguns, ele é perigoso e deve ser tratado como um invasor. Para outros, um exemplo de versatilidade e resiliência. Acusado de facilitar a propagação do incêndio que causou 64 mortes em Portugal neste mês, o eucalipto desperta paixões desde que deixou a Austrália para se tornar uma das árvores mais (im)populares do mundo. Criticada por ambientalistas e temida por guardas florestais, a planta é ao mesmo tempo exaltada por…

Leia Mais

Brasil destrói 128 campos de futebol de floresta por hora

Brasil destrói 128 campos de futebol de floresta por hora

Fiscalização em Rondônia: exploração ilegal de madeira na Floresta Nacional do Jamari (Henrique Donadio/Revista EXAME) Rondônia e Amazonas – Escondidos no meio da floresta amazônica, nove agentes de fiscalização do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais (Ibama) aguardam o momento certo para uma emboscada. É noite, e quem garante a segurança do grupo na escuridão da mata são dez policiais que levam a tiracolo fuzis do tipo 762. O objetivo é pegar em flagrante pessoas que exploram ilegalmente a madeira da região. Ainda sob a luz do dia,…

Leia Mais

Os 9 governos mais curtos da história do Brasil

Os 9 governos mais curtos da história do Brasil

Congresso Nacional, em Brasília (Foto: Reprodução Embratur) Se o poder é algo transitório, esses presidentes nem sentiram muito bem o gostinho de ocupar o cargo mais importante do Brasil. Conheça as pessoas que ficaram à frente da Presidência da República por menos tempo na história brasileira: Delfim Moreira – 15 de novembro de 1918 a 28 de julho de 1919 Delfim Moreira (Foto: Reprodução) Delfim Moreira ocupou o posto de vice-presidente na chapa de Rodrigues Alves, que venceu as eleições de 1918. O presidente eleito, no entanto, adoeceu de Gripe…

Leia Mais

Anitta fala da investida no mercado internacional: ‘Eu que faço acontecer’

Anitta fala da investida no mercado internacional: ‘Eu que faço acontecer’

Anitta em Nova York, onde gravou o clipe do mais novo hit, ‘Paradinha’ – Divulgação / Agência O GLOBO  Se tem uma coisa que a cantora Anitta não está, nos últimos dias, é “paradinha” — como batizou seu mais recente single, cantado em espanhol e com clipe gravado numa estação de metrô e num supermercado de Nova York. Em 24 horas, o vídeo da música, lançado no dia 31 de maio, teve 5 milhões de visualizações, tornando-se, assim, a maior faixa de estreia do YouTube brasileiro no ano (até o…

Leia Mais

Governador recebe visita do embaixador do Japão no Brasil

Governador recebe visita do embaixador do Japão no Brasil

O governador do Pará, Simão Jatene, recebeu, na tarde desta quarta-feira (7), a visita de cortesia do embaixador do Japão no Brasil, Sattoru Sattoh O governador do Pará, Simão Jatene, recebeu, na tarde desta quarta-feira (7), a visita de cortesia do embaixador do Japão no Brasil, Sattoru Sattoh. Com ele estiveram o cônsul do país, Kuiji Hamada, e Akio Saito, da República da JICA (Agência de Cooperação Internacional do Japão), além de outros membros da comitiva. Em uma longa conversa, eles estreitaram ainda mais as relações do Pará com o Japão…

Leia Mais

Venderam o Brasil em troca de papel higiênico

Venderam o Brasil em troca de papel higiênico

O que mais me impressionou nos escândalos todos foi ver o quanto o Brasil está barato. Joesley fala com Temer sobre infiltrar comparsas seus nas instituições que fiscalizam a economia (CADE e CVM) como quem fala com um vendedor de verduras sobre beringelas e rabanetes. Ele também pediu a cabeça da presidente do BNDES, Maria Silvia Bastos, que “estaria dificultando a vida dos empresários”. E diga-se: conseguiu. Para Aécio, o dono da JBS requisitou um pau mandado seu na presidência da Vale, em troca de um pagamento de R$ 40…

Leia Mais

“Sou cheirosa, mas arranco sangue”

“Sou cheirosa, mas arranco sangue”

Fabiana Escobar (à esquerda) – Apelido: Bibi Perigosa – Relação: ex-mulher de Saulo de Sá Silva, o Barão do Pô – Histórico: Passou boa parte dos 14 anos de casamento cumprindo e repassando ordens que o traficante lhe dava de dentro da cadeia – Danúbia de Souza Rangel (centro) – Apelido: Xerifa da Rocinha – Relação: mulher do traficante Nem da Rocinha – Histórico: Foi acusada de repassar aos comparsas de Nem, quando ele estava preso, as instruções do criminoso sobre o tráfico na Rocinha. Condenada em 2016 a 28…

Leia Mais