China quer construir ferrovia atravessando o Brasil

China quer construir ferrovia atravessando o Brasil

Uma das maiores empresas ferroviárias do mundo, a CRCC (China Railway Construction Corporation) estuda liderar um consórcio para construir a Fiol (Ferrovia de Integração Oeste-Leste) e integrá-la ao porto de Ilhéus (BA). Hoje, a ferrovia tem um pequeno trecho em operação. A intenção dos chineses é clara: escoar soja (segundo principal produto que eles compram no país, atrás do minério de ferro) do Centro-Oeste até o porto baiano Mas também há um interesse geopolítico. Eles querem criar alternativas ao canal do Panamá, obra bancada pelos EUA no século passado e…

Leia Mais

Atoleiros esvaziam BR-163 e encarecem escoamento

Atoleiros esvaziam BR-163 e encarecem escoamento

  Após servir almoço aos últimos 3 dos 12 clientes de seu restaurante em Santa Luzia, interior do Pará, Seloi Primo, 55 anos, recosta-se numa cadeira de balanço na varanda. É tarde de quinta-feira (9). A comerciante olha para a silenciosa paisagem à sua frente, onde há soldados do Exército de sentinela sob uma barraca montada à frente da rodovia BR-163, que liga o Mato Grosso ao Pará. Eles estão ali para controlar a circulação de caminhoneiros que levam soja para a exportação. Por 20 minutos, nenhum veículo passa. Uma…

Leia Mais

Ministro quer expandir moratória da soja para o Cerrado

Ministro quer expandir moratória da soja para o Cerrado

Comemoração de 10 anos da moratória da soja. Foto: Divulgação/Abiove O ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho, propôs nesta quarta-feira (19) que a moratória da soja seja expandida para o Cerrado, onde o plantio da cultura é considerado um dos principais vetores do aumento do desmatamento na região. A proposta foi feita durante comemoração de 10 anos da moratória, evento promovido pela Associação Brasileira da Indústria de Óleos Vegetais (Abiove). Trata-se de um pacto de desmatamento zero: a indústria se compromete a não comercializar nem financiar o cultivo de soja…

Leia Mais

Um laboratório a céu aberto das transformações na Amazônia

Um laboratório a céu aberto das transformações na Amazônia

  Pesquisador Claudinei dos Santos em torre de observação sobre área que teve queima na fazenda Tanguro. Crédito: Tiago Queiroz / Estadão QUERÊNCIA – Cadê a anta que estava aqui? Tá no mato espalhando semente. Cadê o mato? O fogo queimou. Cadê o fogo? Tá na mão do cientista. Cadê o cientista? Tá coletando amostra de água. Cadê a água? Tá debaixo do campo de soja. Cadê a soja? Tá no lugar onde antes era a floresta. Cadê a floresta? A anta está tentando replantar… Em uma livre adaptação da…

Leia Mais

O que madeira, carne, soja e óleo de palma têm em comum?

O que madeira, carne, soja e óleo de palma têm em comum?

  Ameaça: as quatro commodities agrícolas desmatam 3,83 milhões de hectares de florestas tropicais por ano no mundo. São Paulo – Carne, madeira, soja e óleo de palma. Quatro produtos absolutamente comuns no nosso cotidiano — ainda que embutidos em outros, como cosméticos a alimentos, a exemplo da soja e do óleo de palma —, e que, fora isso, não parecem ter nada mais em comum. Ledo engano. Eles são as quatro principais commodities agrícolas responsáveis por desmatar3,83 milhões de hectares de florestas tropicais, a cada ano, o que equivale a…

Leia Mais

O Império da Família Maggi

O Império da Família Maggi

Uma aroeira de dez metros de altura foi plantada na entrada da sede do Grupo André Maggi, em Cuiabá, holding que controla quatro divisões de empresas ligadas ao agronegócio. Sua sombra abriga um império que faz de tudo (ou quase): do plantio, processamento e comércio de grãos, produção de sementes, reflorestamento, pecuária, venda de fertilizantes, geração de energia elétrica, administração portuária, transporte fluvial, exportação e importação. No ano passado, o grupo faturou US$ 3,78 bilhões, 60,8% a mais na comparação com a receita de três anos atrás. O prédio de cinco andares, o coração dos negócios da Maggi, exibe espaços amplos, inúmeras salas e corredores largos e recheados de obras de artistas locais. Ele…

Leia Mais

China aumenta importações de soja do Brasil em 50% ao ano

China aumenta importações de soja do Brasil em 50% ao ano

As importações de soja do Brasil pela China no acumulado do ano, de janeiro amaio, aumentaram 48,8 por cento em relação ao mesmo período de 2015, para cerca de 14 milhões de toneladas, de acordo com dados da alfândega chinesa divulgados nesta terça-feira. Cerca de metade das importações de soja brasileira pela China foram registradas em maio –aumento de quase 30 por cento ante o mesmo período de 2015–, mês que marca osdesembarques mais fortes do produto do Brasil no ano rumo ao maior importador global da commodity. Em abril,…

Leia Mais

Agricultura Brasileira salto gigantesco em Exportação

Agricultura Brasileira salto gigantesco em Exportação

As exportações das principais commodities da agricultura brasileira deram novo salto na escalada que vem garantindo lastro ao crescimento contínuo na produção. O volume de milho e soja (grão e farelo) embarcado chegou a 98,07 milhões de toneladas, conforme balanço de 2015 divulgado nesta segunda-feira pela Secretaria de Comércio Exterior (Secex). Em 2016, o volume embarcado deve ultrapassar a barreira dos 100 milhões de toneladas – seis anos depois de ter rompido a casa de 50 milhões de toneladas . As 98 milhões de toneladas de 2015 representam volume duas…

Leia Mais